Meu perfil
BRASIL, Sudeste, ECHAPORA, centro, Mulher, de 56 a 65 anos, Arte e cultura, Livros
MSN -




Arquivos

    Categorias
    Todas as mensagens
     viagem
     relações afetivas
     notícias da mídia
     religiosidade
     cronicas

    Votação
     Dê uma nota para meu blog

    Outros links
     UOL - O melhor conteúdo
     BOL - E-mail grátis
     blog da angela
     blog da silvanety
     MINHA PASTA MAIS
     blog do alberto
     alberto pasta mais
     blog do Miguel
     blog do leo
     blog da ana miranda
     blog da magui
     blog da imaculada cintra
     blog da rosely sayao
     blog da carrie
     blog da bela
     blog da Dri
     blog da américa
     blog do Emídio
     blog da Claudete
     blog do fábio
     Blog da Anna Fernandes
     blog da bete
     blog da nilcéia
     blog da janaina
     blog da marizete
     blog da AFRODITE
     blog da beth -uma mulher que sabe o que quer
     blog da talyta
     blog da vivian- flores
     blog do roberto alexandre
     cronicas do Gauli




    UOL

    Blog de edimeli
     


     
     

    especial Dia da Mães

     

     


    Especial "Dia Das Mães"

    Ela é mãe de dois belos garotos fortes e saudáveis.

    Como toda mãe responsável e consciente sabe que precisa atender às exigências de trabalho de uma sociedade moderna para proporcionar uma boa qualidade de vida aos filhos.

    Vivemos num mundo cheio de oportunidades, mas também cheio de armadilhas, agressões e mentiras, informações desencontradas, caminhos tortuosos.

    E ela sabe que para sobreviver nessa selva urbana é preciso coragem, esperteza e acima de tudo educação.

    Para que toda essa base alimentar, vestuário, saude e educação aconteçam, os filhos aprendem desde muito cedo a abdicar em quantidade da presença e carinho maternos em prol do trabalho.

    É a educação já ganhando formas desde o berço, quando os filhos crescem já inspirados no exemplo da mãe , aprendendo de forma saudável, apesar de penosa, de que tudo na vida se consegue com trabalho, honestidade e responsabilidade.

    Assim ,desde muito cedo a função de mãe fica delegada por uma boa parte do dia a “outras mães”.

    Pela manhã é a professora da escola ou a “tia” da creche. À tarde, a avó cumpre o papel. Todas de alguma forma, durante um período do dia substituem a mãe biológica oferecendo carinho e atenção aos filhos do coração.

    E assim, todos os dias, enquanto deixa os filhos delegados aos cuidados de outrem, é aqui em minha casa que ela deixa seu sorriso, sua dedicação e seu entusiasmo conciliados com o trabalho que presta à família.

    Sua presença aqui não é somente daquela que faz uma comida gostosa.

    Ela faz também minha vida mais bela. Torna o meu dia mais leve. Faz com que eu veja a esperança surgir no amanhã.

    Também não é aquela que somente deixa minha casa mais perfumada. O perfume que espalha vai muito mais além. A roupa cheirosa deixa uma sensação de conforto e aconchego. Perfuma minha vida quando se preocupa com meu bem estar. Quando me ensina com seu sorriso e disposição que “tristeza não paga dívida” e que trabalho se faz com Amor.

    Sua presença aqui também não se limita apenas a desempenhar funções técnicas como se fosse um ser robotizado. Sua presença é muito mais envolvente e cativante. Caracteriza-se pelo Amor, principal ingrediente que usa no dia a dia, fazendo com que tudo pareça suave, perfeito e encaixado.

    Tê-la aqui, faz-me sentir como se todos os dias fossem ensolarados.

    É por isso que nesse dia das mães, minha homenagem vai para essa pessoa especial que todos os dias deixa comigo um pouco de seu sorriso e otimismo.

    Seu nome, apenas duas letras.

    LI, mulher forte, guerreira. Tem idade para ser minha filha, mas se destaca quando a mim na preocupação se faz mãe. Ou se faz filha quando me ouve com atenção e respeito .

    E ora se faz irmã e amiga quando gentilmente se oferece para me acompanhar ao perceber minhas dificuldades de locomoção. Tudo sem deixar de lado sua responsabilidade como funcionária da casa.

    Obrigada por você existir..mãe.. irmã.. amiga... companheira.

    A você minha eterna gratidão.

    Feliz Dia das Mães!

     



    Categoria: relações afetivas
    Escrito por edimeli às 21h16
    [] [envie esta mensagem
    ] []





     
     

    beatificação de João Paulo II

     

     

    Beatificação de João Paulo II

     

    Aconteceu hoje, 1º de maio, a beatificação do Papa João Paulo II.

    Beatificação é a celebração agradecida pela vida e testemunho cristãos de um homem ou uma mulher, proclamando a sua virtude e oficializando o seu culto público.

    Para a beatificação é preciso que seja reconhecido seu alto grau de santidade.

    Provadas as suas virtudes heróicas e confirmadas por um milagre, a pessoa é beatificada e proposta à veneração dos crentes como modelo, estímulo e intercessora junto de Deus.

    O milagre atribuido a João Paulo II refere-se à religiosa francesa Marie Simon-Pierre curada de forma inexplicável pela ciência do mal de Parkison, mal do qual também sofria o Santo Papa.

    Santos foram pessoas que se tornaram notáveis sinais de presença de Deus, pela forma como responderam aos desafios de sua época.

    Certamente deve haver incontáveis santos desconhecidos fora dos catálogos oficiais. Muitas vezes gente comum, e nem sempre são logo reconhecidos como quem está refletindo o Amor de Deus.

    Ao beatificar João Paulo II, a Igreja está a sublinhar certos traços de uma santidade particular, considerando que não só merece ser conhecida e admirada, como pode ser luz e guia.

    Também estimula a prosseguir nos caminhos da conversão ao Amor de Deus e do serviço aos homens e mulheres de nossos dias.

    O Papa João Paulo II deu um grande testemunho de santidade, em vida. Na Igreja alguém não é santificado depois da morte. Alguém é Santo durante a vida e então é proclamado Santo depois da morte. E o primeiro passo é a beatificação,” explicou D. Odilo Scherer.

    João Paulo II foi um marco na história da Igreja não só pelos 25 anos de pontificado, mas pela sua Santidade, cultura, amor ao ser humano, estadista, mestre da doutrina, arauto da paz, paladino da justiça entre os povos.

    Soube falar ao mundo e com o mundo. E revelou-lhes suas chagas, apresentando o remédio de que precisava: Jesus Cristo.

    A bênção, João de Deus!



    Fontes: revista Canção Nova/124

    centro da família, acj


    01/05/11 19:43:32

     



    Categoria: notícias da mídia
    Escrito por edimeli às 20h35
    [] [envie esta mensagem
    ] []



     
      [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]