Primavera, tempo de florir...de recomeçar

Primavera... Tempo de florir... Tempo de recomeçar!

 

Enfim o inverno se foi e chegou a Primavera.  Hoje, 21 de setembro, dia da Árvore, marca também a entrada da Primavera, que de acordo com o calendário começa oficialmente no dia 23.

Na Primavera tudo se transforma. Revitaliza. É a Natureza dando-se a oportunidade  de refazer  o acinzentado, o triste do inverno. É a oportunidade de recomeçar.

As sementes que se encontravam antes adormecidas, já se encontram prontas para germinar e posteriormente florir. E através do processo de polinização inicia-se um novo ciclo. Novas plantas são geradas.

É a primavera sem dúvida uma bela estação. Não só pela beleza das flores e o verde vicejante. Ou o céu azul e o sol brilhante. Tudo isso é realmente belo e até romântico.

Mas o que realmente encanta na primavera é a possibilidade de recomeço. É a Natureza sempre nos dando lições de vida.

Quem nunca sentiu a necessidade de recomeçar?

Assim como na Natureza, nossa vida também está sempre em processo de transformação. Caímos. Levantamos. E isso exige esforço, otimismo, dedicação. È preciso também coragem para nunca desistir. Aliar fé e esperança juntas, extraindo lições de experiências anteriores para não recair no erro. Recomeçar é também nunca desistir.

Recomeçar, porque nossa vida é inconstante. Os desafios são muitos. Maturidade e humildade são importantes para recomeçar deixando as marcas do passado para trás. Esquecendo mágoas. Perdoando.

Quantas vezes na vida nossa alma entra em conflito. Frustrações tomam o lugar do entusiasmo. Perde-se a vontade de lançar-se a novos projetos. Tudo parece inútil, sem sentido. Frio e cinzento. Como no inverno.

Mas vamos maturando idéias, absorvendo informações, construindo conhecimentos, mudando nossa postura diante dos fatos. É o frio da alma se esvaindo. A vontade latente de recomeçar. E embora ainda possa haver lembranças do inverno, a esperança começa a brotar.

Como as sementes em fase de germinação são lançadas na terra, nossas idéias são também disseminadas no tempo. E assim construímos a sociedade. E porque não dizer o mundo em que vivemos. Afinal ele é fruto das nossas idéias disseminadas em conjunto.

Que nesta primavera possamos refletir sobre o tipo de “sementes” que estamos disseminando ao nosso redor.

Estamos dispostos à pratica de ações  que possam contribuir para um planeta mais habitável?

Que nesta primavera nossa mente possa florescer e dar muitos frutos. 21/9/2011  15h42min